Ações trabalhistas cobrando expurgos invadem tribunais

Os efeitos dos expurgos inflacionários dos planos econômicos Verão (janeiro/89) e Collor I (abril/90) continuam em discussão. Os empregadores que já se sentiam tranqüilos quanto à quitação dos direitos trabalhistas dos seus ex-empregados, demitidos há mais de dois anos, estão sendo surpreendidos com ações trabalhistas que fizeram renascer a discussão a propósito de supostas diferenças relativas à multa de 40% sobre o saldo do FGTS.

________________________________________________________________________________________________________