Blitz caça violação de direitos autorais no Rio

Na última sexta-feira, depois de meses de investigações da APDIF (Associação Protetora dos Direitos Intelectuais Fonográficos), quatro cyber-cafés localizados no bairro de Copacabana, no Rio de Janeiro, receberam a visita, inesperada, de policiais da DRCPIM – Delegacia de Repressão aos Crimes Contra a Propriedade Imaterial, cujo delegado responsável foi o Dr. Robson da Costa F. da Silva. Leia a íntegra

________________________________________________________________________________________________________